Calculadora ajuda caminhoneiro a negociar valor do frete

piso mínimo de frete

A FreteBras acaba de lançar o CalculaFrete, ferramenta on-line que permite ao caminhoneiro informar alguns poucos dados como valor do caminhão, quantidade de viagens que realiza por mês, quilometragem da viagem, entre outros, para devolver o custo total que terá para cada frete.

Com este dado em mãos, o motorista soma o valor de sua diária, pedágios, além de sua margem de lucro desejada, e terá em mãos a informação mais correta de quanto deve cobrar pelo frete.

A ferramenta, que nesta primeira versão é gratuita e on-line para todo o setor, faz parte do programa da FreteBras, que engloba uma série de iniciativas, ferramentas e parcerias que tem o objetivo de ajudar os caminhoneiros a analisar melhor os custos e, com isso, negociar melhor o valor de cada frete que fazem.

Para o diretor de operações da empresa, Bruno Hacad, o objetivo da nova ferramenta é apoiar os profissionais na gestão dos custos do transporte e uma forma de empoderar ainda mais os motoristas e ajudá-los a organizar melhor seus gastos para conseguir manter o lucro das viagens.

Caminhoneiro tem dificuldade de negociar o frete 

Um dos grandes desafios da logística no Brasil é a dificuldade que o caminhoneiro enfrenta para determinar o real custo que terá ao realizar um determinado frete, o que dificulta a negociação do preço do frete com a transportadora. É o que revela um levantamento realizado pela FreteBras. De acordo com o estudo, 47,2% dos caminhoneiros já fizeram fretes por um valor menor do que consideravam adequado e 31,8% afirmaram não negociar o valor do transporte em todas as ocasiões.

A pesquisa, realizada com mais de 1.400 caminhoneiros, também mostra que, em contrapartida, dois terços dos profissionais não deixam passar uma oportunidade de batalhar por um preço melhor. Nessa mesma linha, 97,7% já chegaram a recusar alguma viagem porque o pagamento oferecido pelo transporte estava abaixo do que esperavam.



Fonte: https://www.ocarreteiro.com.br/calculadora-de-frete/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *